IBGE visita redações de mais de 20 veículos de imprensa no Piauí em busca de apoio para a divulgação do Censo

Editoria: Censo 2020 | Da redação

12/02/2020 09h50 | Atualizado em 12/02/2020 16h28

Durante duas semanas, a Unidade Estadual do IBGE no Piauí (UE/PI) realizou visitas aos meios de comunicação de Teresina com intuito de estabelecer parcerias para divulgação do Censo Demográfico 2020. Nas ocasiões, foi enfatizada a relevância social do Censo e a necessidade de apoio na difusão de informações. O chefe da UE/PI, Leonardo Passos, o supervisor de Disseminação de Informações, Eyder Mendes, e a analista censitária de jornalismo, Camila Oliveira, participaram das visitas.

Ao todo, foram visitadas redações das TVs Antares; Antena 10; Meio Norte; Assembleia; Band Piauí; Cidade Verde; Clube e O Dia. A equipe também esteve nos jornais Meio Norte e o O Dia. Foram ainda nas rádios Antares; Assembleia; Cidade Verde; Teresina FM; CBN; e nos portais de notícias Meio Norte; Cidade Verde; O Dia; G1; GP1; 180 Graus e OitoMeia.

Na foto, o chefe da UE/PI, Leonardo Passos, dá entrevista à TV Antares.

O chefe da UE/PI deu entrevistas à maioria dos meios de comunicação visitados. De acordo com ele, a divulgação é imprescindível para o bom andamento da operação censitária. “Em ano de Censo, é fundamental que toda a população saiba que o IBGE vai a campo visitar os cerca de 900 mil domicílios piauienses”, ressalta. “As visitas foram muito proveitosas, pois conseguimos um bom retorno dos meios de comunicação, que se disponibilizaram a ajudar na divulgação do Censo”, avalia Leonardo Passos. Por meio das matérias produzidas, foi possível esclarecer as dúvidas mais comuns da população acerca do recenseamento.

Para o diretor de Jornalismo da TV Antares, Márcio Gleu, o Censo Demográfico traz informações de grande valia para todos, por isso é tão importante auxiliar na divulgação. “Tanto o governo, que fica sabendo quem somos, onde estamos e como vivemos, para aí poder planejar políticas públicas adequadas para cada região, quanto a sociedade, que fica sabendo suas deficiências e limitações e assim, ajudar nesse processo de construção de um futuro melhor”, comenta Gleu.

O chefe da UE/PI deu entrevista à maioria dos meios de comunicação visitados.

“Muito importante a iniciativa de buscar os meios de comunicação para promover a divulgação do Censo”, salienta o editor-executivo do portal OitoMeia, Allisson Paixão, que enfatiza ainda a confiabilidade dos dados produzidos pelo IBGE. “O Censo é aguardado com muita expectativa por toda a sociedade, até porque o IBGE é reconhecido historicamente pela credibilidade”, destaca.

Ainda foi oferecido aos meios de comunicação o treinamento de ferramentas digitais do IBGE, que será demandado durante o ano, de acordo com a disponibilidade de cada empresa. Por meio do curso, que ensina os passos iniciais para utilização do Sidra (Sistema IBGE de Recuperação Automática) e do BME (Banco Multidimensional de Estatísticas), os jornalistas alcançam mais autonomia para usar os dados fornecidos pelo IBGE.

Mais notícias deste Estado